"Há escolas que são gaiolas e há escolas que são asas.

Escolas que são gaiolas existem para que os pássaros desaprendam a arte do vôo. Pássaros engaiolados são pássaros sob controle. Engaiolados, o seu dono pode levá-los para onde quiser. Pássaros engaiolados sempre têm um dono. Deixaram de ser pássaros. Porque a essência dos pássaros é o vôo.

Escolas que são asas não amam pássaros engaiolados. O que elas amam são pássaros em vôo. Existem para dar aos pássaros coragem para voar. Ensinar o vôo, isso elas não podem fazer, porque o vôo já nasce dentro dos pássaros. O vôo não pode ser ensinado. Só pode ser encorajado."

Rubem Alves

P.I.P 2012 - Plano de Intervenção Pedagógica "A nossa Escola Vai Fazer a Diferença"

ESCOLA ESTADUAL
“PROFESSOR ADELARDO DA CUNHA”
R.O.2.0.A.2
DECRETO nº 7014 de 05/06/63
Rua Belo Horizonte, 220 – Bairro Alvorada
CEP: 39700-000 – Peçanha – Minas Gerais
  
   PLANO DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA – 2012
“Esta Escola Vai Fazer a Diferença!”



O QUÊ?
Identificação do Problema

COMO?
Estratégias de Intervenção

META %
O que e quanto

DURAÇÃO
Período de realização

RESPONSÁVEL
Nome das pessoas



Alunos do 5º ano sem domínio da leitura.

Assistência individualizada, diariamente, fora da sala de aula, trabalhando com as seqüências didáticas oferecidas pela SRE e outras atividades contextualizada com o planejamento das professoras.

Conseguir que 100% desses alunos estejam motivados e com as mínimas condições de
realizar as avaliações do PROEB, mesmo que não estejam perfeitamente alfabetizados.

De julho a dezembro
(Considerando que este trabalhando já vem sendo feito desde abril de2012).

Professora eventual do turno da manhã Valdete.

Professora Antônia, ATB, por ajustamento funcional

Professora Antônia, ATB, por ajustamento funcional

Professora Antônia, ATB, por ajustamento funcional


Metas da Escola:
PROALFA 2012: 631,82
PROEB Matemática: 242,81
PROEB Língua Portuguesa: 212,08


Acompanhamento do trabalho fora de sala de aula com avaliação mensal da aprendizagem dos alunos.


Uma vez por mês de julho a dezembro.
Os resultados serão devidamente registrados e divulgados.
Os alunos, as famílias e as professoras envolvidas serão comunicados pela supervisora de forma bem clara para a reorganização dos planejamentos, bem como p/acompanhamento dos pais.




Supervisora Édina

Alunos do 4º que conseguem ler, mas com comprometimento no ritmo, fluência e entonação dificultando significativamente a compreensão a partir de sua

 própria leitura.
Avaliação mensal do supervisor.

Conseguir que 100% desses alunos melhorem o domínio da leitura para ganhar mais autonomia na realização das

atividades.

De julho a dezembro
(Considerando que este trabalhando já vem sendo feito desde abril de2012).

Professora eventual do turno da manhã Valdete.

Professora eventual do turno da manhã Valdete.

Professora Biblioteca (PEUB) do turno da manhã Idelvane.

Mesmo processo dos alunos do 5º ano.
Supervisora Édina.

Alunos do 3º ano semdomínio da leitura para a realização do PROALFA / 2012.
Alunos que não leem;
Alunos do 3º ano com domínio parcial da leitura.

Assistência individualizada de leitura, fora da sala de aula, 3 vezes por semana
Capacitar todos os alunos do 3º ano para realizar o PROALFA de modo que a escola mantenha o resultado de 0% de alunos do nível baixo, dando oportunidades a todos de consolidarem, pelo menos, as capacidades iniciais do processo de alfabetização.
De julho a setembro quando será realizado o PROALFA.
Professora PEUB do turno da manhã Idelvane.

Leitura oral na sala de aula determinando o padrão esperado observando a fluência, ritmo e entonação.
Uso de recursos diversificados como: microfone, quadro de registro das melhores leituras com valorização das primeiras colocações; auditório para a apreciação da escola; jornal simulado com leitura de pequenas notícias...
De julho a setembro quando será realizado o PROALFA.
Períodos de 02/07/2012 a 18/07/2012 e 01/08/2012 a 06/09/2012.
Professoras regentes da turma: Joyce e Ana Paula.


Alunos do 3º com a aprendizagem ainda em desenvolvimento, se encontrando no nível intermediário.
Alunos sem fluência ideal na leitura.


Além das estratégias anteriores, incluir para todos, a avaliação de leitura na sala de supervisão com o objetivo de valorizar ainda mais a aprendizagem dos alunos.
Para essa avaliação serão usados pequenos textos das avaliações simuladas.
Garantir um resultado no PROALFA com a maior concentração de alunos no nível recomendável.
Avaliação semanal de julho a setembro, sendo que será iniciada com esses alunos, mas ouvir também outros que estão com boa fluência na leitura com o objetivo de estimular as turmas em geral.
Supervisora Édina,  Clemira professoras eventuais Valdete, Maria José e diretor Lucas.

Aplicar avaliações simuladas ao PROALFA e trabalhar cada item observando os erros e fazendo deles o fio condutor buscando novas estratégias de ensino das capacidades avaliadas.
Corrigir as avaliações e divulgar os resultados nas turmas.
Realizar um remanejamento temporário de professoras para atender melhor a turma onde está a maior concentração dos alunos com dificuldades.

Aplicar uma avaliação simulada toda terça-feira de julho a setembro.
(Este trabalho já está sendo vivenciado).






Última semana letiva  de julho até a realização do PROALFA.
Período de 16/07/2012 a 09/07/2012.
Professoras regentes das turmas.





Supervisora Édina e Clemira.


Diretor Lucas – quem assumirá a turma será a professora Rosamar que apresenta um ótimo perfil para o trabalho e que ofereceu a sua ajuda.


Alunos do 2º ano que apresentam atrasos no processo de alfabetização.
São 20 alunos que já estão recebendo intervenção com a professora regente Eliziane.


O trabalho de intervenção está sendo realizado seguindo as orientações das sequências didáticas: A Menina Bonita do laço de fita, Fábulas e Receita Culinária e outras que virão; e através de pequenos projetos interdisciplinares.
Avaliação diagnóstica da aprendizagem ao final de cada sequência didática ou dos pequenos projetos; para reorganização dos planejamentos.

Conseguir que 65% desses alunos consolidem o domínio da leitura e da escrita até dezembro de 2012, para que não levem dificuldades para o 3º ano.

O trabalho foi iniciado em março e terá duração até dezembro.
Período

Professora regente Eliziane com acompanhamento sistemático do serviço de supervisão do turno da tarde.




Serviço de supervisão do turno da tarde.


Alunos do 1º ano que ainda se encontram sem domínio do alfabeto; com dificuldades na diferenciação entre letras e outros símbolos gráficos; e na segmentação e orientações da escrita.

Acompanhamento do serviço de supervisão através de avaliações diagnósticas dos P.I.P. das profª regentes, observando minuciosamente o comportamento dos alunos em cada item avaliado para redirecionar o planejamento

Garantir que 80% dos alunos do 1º ano vença todas as capacidades referentes a este ano, estando em condições favoráveis para o planejamento do ano seguinte.

Agosto a Dezembro.
Período de 01/08/2012 a 14/12/2012.








Professoras regentes do 1º ano: Idelze, Jeane e Geralda Afonsa e serviço de supervisão do turno da tarde, juntamente com a professora eventual Maria José de Lourdes.


Dificuldades extremas nas capacidades iniciais do processo de alfabetização.

Trabalho na Mesa Alfabeto.

Trabalho com jogos pedagógicos fora da sala de aula.

Conseguir que pelo menos 50% desses alunos consigam avanços significativos no domínio dessas capacidades.

Agosto a dezembro.
Período de 01/08/2012 a 14/12/2012.

Vice-diretora Ana Paula

Professora eventual Maria José.

Resultado insatisfatório no PROEB 5º ano / 2011.
Língua Portuguesa:
201,65
- Baixo: 28,2%
- Intermediário: 39,4%
- Recomendável: 32,4%



Envolver os pais ainda mais na aprendizagem dos filhos, observando que os alunos de baixo desempenho são os que mais faltam às aulas e os seus pais nos encontros na escola.

Marcar encontros semanais com os pais para valorizar os avanços, discutir possíveis causas de insucessos, tratar de faltas desnecessárias.
Será ainda muito importante valorizar as contribuições das famílias, mesmo que sejam bem pequenas, a iniciar pela presença no encontro.

Esta ação será nomeada de Pastoral da Aprendizagem e será desenvolvida em todas as turmas de 1º ao 5º ano.
Elevar a aprendizagem dos alunos do 5º ano para que a escola cumpra suas metas para 2013 com a tolerância estipulada de apenas 4,26% dos alunos no nível baixo.
Toda segunda-feira durantes os 30 primeiros minutos do Módulo II.
De agosto à primeira semana de dezembro 2012.
Diretor Lucas
Vice diretora Ana Paula
Supervisoras: Édina e Clemira.

Professoras eventuais:
Maria José e Valdete
Esta equipe deverá coordenar o trabalho de cada Pastoral.
Serão 05 pastorais, uma para cada ano de escolaridade.


Resultado de Matemática no PROEB 5º ano / 2011.
Matemática:
230,29
- Baixo: 11,3%
- Intermediário: 35,2%
- Recomendável: 53,5%

Selecionar os alunos com dificuldades nessa disciplina usando a Provinha Brasil e outras formas de avaliação diagnóstica. Iniciar este diagnóstico de forma regressiva em relação ao ano de escolaridade: do 5º ao 1º ano.

Manter a proficiência da escola no nível recomendável garantindo a aprendizagem de todos os alunos.

Agosto a Outubro.
Período de 01/08/2012 a 19/10/2012.

Serviço de supervisão com parceria da professora eventual Maria José que apresenta muitas habilidades com esta disciplina.


Alunos de Baixo Desempenho nas avaliações externas e/ou internas. Alunos selecionados em cada turma, pela professora regente e serviço de supervisão.


P.I.P. de sala de aula. Cada professora deverá ter o seu para sanar as dificuldades dos alunos em sala de aula, sendo que as ações devem ser acompanhadas e avaliadas pelo serviço de supervisão da escola.

Garantir que nenhum aluno fique no Baixo desempenho no PROALFA e que as metas da escola para o PROEB sejam cumpridas em 2012.

Esta ação já vem sendo realizada desde o início do ano e terá continuidade até o último dia letivo de 2012.

Professoras regentes com acompanhamento do serviço de supervisão e apreciação da direção da escola.

  

MESA ALFABETO
(Vice - diretora : Ana Paula)



































































INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA
(Professora Eventual : Maria José)































INTERVENÇÃO EM SALA DE AULA
(Professora : Marinalva) 































INTERVENÇÃO EM SALA DE AULA
(Professora : Marta Rejane) 







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário